sábado, 14 de janeiro de 2012

Primeira vez na Matrix

Bem, meu objetivo nesse blog será postar semanalmente; de preferência às segundas-feiras. Além de ser o dia que eu tenho mais liberdade para escrever, posso fazer um resumo da semana anterior com relação as novidades da Torre de Vigia, baseado nas reuniões de quinta-feira e de domingo.

Mas acontece que ainda não decidi realmente se vou entrar novamente na Matrix como Neo. Acredito que para isso é exigido muita coragem e um desprendimento muito grande. Uma Ex-Testemunha falou que se manter dentro da Organização conhecendo todas as falácias é uma grande perda de tempo. E realmente é. Temos que levar em conta que para se manter lá dentro é necessário estar em dia com as horas no serviço de pregação, e com as reuniões. São muitas horas da semana que são gastas em um objetivo inútil. Chamo o objetivo de inútil no sentido de que para aqueles que não aceitam as instruções da Torre, essas horas são nada mais nada menos do que tempo perdido.

Eu particularmente acho mais útil utilizar todas essas horas em um estudo que realmente traga algum significado (lembrando que esse conselho é para quem NÃO acredita mais na S.T.V.).

Só de pensar em estar num serviço que não me "toca" mais, me dá um tremendo desânimo. É claro que existe a possibilidade de eu acreditar na minha própria mentira e carregar o fardo de ser Neo, o fardo de ser vírus dentro Sistema. Se você assim deseja então é válido. Meu problema é o desapego dos seres humanos que lá estão; mas esse é um defeito meu, o que faz com que a regra não se aplique a todos.


Bem, o que quero dizer é que dependendo da minha decisão esse blog terá um conteúdo analítico da programação mental mais profundo, já que estarei participando, estarei dentro do Sistema; caso contrário ficarei restrito as novidades baseado no que aparece no site da S.T.V.

Amanhã irei à Assembléia de Circuito. Estou com o coração na mão. Será a primeira vez que entrarei na Matrix como vírus, entrarei como Neo. Tenho medo de transparecer que sofri uma transição muito aguda, medo de ser reconhecido pelos "Agentes", medo de me tornar como Cypher, e desejar voltar para a
Matrix!

“Ignorância é felicidade”
Cypher




Será?


Nenhum comentário:

Postar um comentário